4 Sobre a Música'



O fato de que quem filosofa - sobretudo quando se ocupa da dinâmica da formação e da realização do ser humano - dedique especial atenção a meditar sobre a essência da música, não é casual nem movido por "interesses musicais" pessoais. Essa atenção especial remete, antes, a uma grande tradição que remonta quase à origem dos tempos, a Platão, a Pitágoras e às doutrinas de sabedoria do Extremo Oriente.

E isto não se deve somente ao fato de a filosofia ter por objeto coisas "espantosas" (para as quais, como afirmam Aristóteles e Tomás de Aquino, deve especificamente voltar-se quem filosofa) - não é somente porque a música é mirando, uma das coisas mais maravilhosas emisteriosas do mundo. Não é só, tampouco, pelo fato de que "musicar" é uma atividade da qual se poderia dizer que é um oculto filosofar – um Exercitem Metaphysices Occultum - da alma que, sem saber, filosofava, como diz Schopenhauer na sua profunda discussão para o estabelecimento de uma metafísica da música.

Josef Pieper

4 cifras alheias:

César Pedrosa disse...

música é magia, é mágica, é encanto!
ela tem um poder absurdamente indescritivel sobre nós, que não a ama, não sabe o que é senti-la...

muuuito bom esse texto May!

beijão.

Nel Santos disse...

Música é tudo de bom! Talvez por isso não baste apenas fazer música é preciso ser e viver a música.

Beijão!

★★ GIZA ★★ disse...

Maravilhosa postagem minha querida amiga.
Passando para fazer minha visitinha de sempre nesse maravilhoso cantinho e aproveitando para anunciar a nova promo do blog: http://amorimortall.blogspot.com/2011/07/novas-promocoes-no-blog-o-coracao-de.html
gostaria muito que me desse a alegria de sua participação especial e se puder me ajude a divulgar.
Mil beijos de quem te adoro de montão
Giza

A garota do blog disse...

Adorei seu blog
estou seguindo, beijos
http://agarotadoblogjojo.blogspot.com

P�gina Anterior Pr�xima P�gina Home